Pesquisar neste blogue

A carregar...

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Opinião "Ama-me" - Terceiro livro da Trilogia Stark

Com a leitura de “Ama-me” chegamos ao fim da trilogia Stark e a conclusão desta história é exactamente aquilo que desejamos, um encontro de emoção, dor e provas de amor que nos fazem perceber que a vida, embora tenha os seus momentos duros que nos levam ao chão, é o que decidimos fazer com ela depois de nos levantarmos e caminharmos ao lado de quem nos ama.
Este livro pode ser o fim da trilogia mas é o princípio de um novo e pacifico caminho para Damien e Nikki, que depois dos passados dolorosos e dos fantasmas que os perseguem no presente, merecem mais que ninguém uma pausa, de preferências a dois.


Do passado conturbado que Nikki tem marcado em si aos segredos revoltantes que Damien encerrou na sua juventude, venha o diabo e escolha. Este par foi feito um para o outro e a percepção disso mesmo chega nos momentos de maior tumulto.
“Na realidade, eles são a bóia de salvação um do outro e é nos momentos mais íntimos, ousados e violentos que encontram a paz que tanto necessitam e lhes é restaurada a capacidade de enfrentar o que se segue.” (na opinião ao livro “Deseja-me”)
É no contacto um com o outro que atingem o nível de paz que precisam, seja com o simples acto de dar a mão seja com as cenas devastadoras e intimas que nos tiram o fôlego. E nesse aspecto, quer neste livro, quer nos anteriores, as cenas intimas entre eles sempre foram FOGO.

Em “Ama-me” retomamos à história de Nikki e Damien no momento em que, mais nunca, é a proximidade de ambos que apazigua o corpo e a mente do casal. Damien encontra-se a dois passos de perder a sua liberdade e Nikki o grande amor da sua vida que é igualmente a ancora da sua sanidade mental.
Em “Liberta-me” centrámo-nos em Nikki e na relação escaldante que cria com Damien, em “Deseja-me” tivemos a oportunidade de ver a explosão de átomos que são estes dois na mesma sala para agora chegarmos ao terceiro e último capítulo onde temos provas concretas da ligação avassaladora que possuem enquanto as diversas provações da vida os atormentam. Mas o que os une vai além da atracção e do amor, é uma necessidade, um bálsamo para a saúde mental e física de cada um, como indivíduos e como casal.
“Tu és o que me dá força. Eu sou o que te concentra Nikki, então tu és o que me estabiliza”
É nesse equilíbrio, nessa balança que Nikkie e Damien encontram o terreno sagrado que desejam que ninguém perturbe. Ai conhecem os pesadelos um do outro e sabem exactamente como lidar com eles e com os elementos do passado que assombram o presente.
E quando essas variantes ameaçam o futuro é que descobrimos o poder de um amor entre duas almas sofridas. 
Que derradeira prova de amor será necessária para manter a união entre Damien e Nikki?
Qual o futuro para estes dois?

Em Ama-me vamos recear por eles, sorrir pela sua união e desejar que, assim como Damien e Nikki, todos os que procuram quem os entenda, um dia os encontrem.


Fica a nota, dia 4 de Novembro será lançado um novo livro. Querem que eu diga mais?
Depois não se queixem de spoilers!!
Ah e até lá, ebook people, arranjem estes
- data de lançamento em Portugal - 6 de Novembro

Uma trilogia 

Sem comentários :