Pesquisar neste blogue

A carregar...

domingo, 2 de novembro de 2014

Opinião :: "Os Segredos da Noite"

A noite oculta sombras que nos confundem e nos prendem, que nos deixam em desespero por ver a luz. Quando dois focos brilhantes nos ofuscam, será que avançamos conscientes ou completamente iludidos com o nosso destino? 
Não seremos apenas insectos aturdidos pela chama que será o nosso fim?
Quando o corpo e a mente se desalinham, o que nos pode ajudar a encontrar o equilíbrio? Prazer? Dor? Para Beth tornou-se uma mistura dos dois.


Desde que a conhecemos no seu verãozinho inocente em Londres, Beth Villers tornou-se uma mulher. Em parte despertaram nela uma consciência sensual e arrebatadora que não sabia ter por outro foi obrigada a endurecer e ganhar estaleca para sobreviver a um novo capítulo da sua vida e à distância imposta por Dominic, os seus medos e o seu trabalho.
Decidida a vingar no mundo da compra e venda de arte, Beth dedica-se a 100% ao seu novo trabalho, especialmente quando este a aproxima de Dominic. O que não esperava encontrar era Andrei Dubrovich, o patrão do seu amante e senhor. Magnata russo, habituado a ter tudo o que quer, Andrei cedo demonstra os seus interesses e "não" é uma resposta que não tem por costume ouvir ou aceitar.
Mas Beth tem olhos apenas para um homem e este ainda se encontra a regressar das trevas onde se aprisionou desde o dia em que, por ímpeto, levou os jogos longe de mais. Beth despertou com Dominic para um mundo onde um limiar entre o prazer e a dor é ténue e por mais que a experiência a tenha traumatizado, há uma parte de si que clama por mais. Mas será que pode confiar em Dominic, dentro e fora do quarto?
E quando as dúvidas se instalam, será que pode confiar até em si própria?
Embora o amor por Dominic seja forte, será que Beth, após muita insistência, sucumbirá ao poder de Andrei?
E quando alguém não é receptivo às suas investidas, até onde estará Andrei disposto a ir para ter aquilo que quer?
Será esta presença demasiado para a frágil relação entre Dominic e Beth? 
Que outros segredos esconde a noite?

Recordo-me que na opinião ao primeiro mencionei o facto de o casal ter começado a sua ligação ao embarcar em relações sem fantasia, sem adereços e de isso me ter agradado imenso por este ser um livro marcado pela temática BDSM. É verdade que ao longo do livro começam e prolongam-se nos seus jogos, situação que se estende a este. Curiosamente, é essa opção que me fez gostar de "Os Segredos da Noite". Nem tudo é perfeito, de prazer cronometrado. Há o lado "por vezes isto não corre bem" que imagino que aconteça em situações de BDSM, porque o entusiasmo de uns e os limites de outros podem tornar as coisas bem complicadas e difíceis de gerir.
  
O segundo livro da trilogia desenrola-se a um passo rápido, repleto de viagens, sumptuosas demonstrações de poder, dúvidas que cavam buracos profundos e reviravoltas que nos deixam sedentos por continuar a leitura.
Uma coisa interessante nestes livros é que o fim de um e o início de outro é apenas uma cena de distância, muitos meses de intervalo para o leitor
Para mim são segundos entre fechar este e abrir o outro.
O Livro "As Promessas da Noite" foi lançado a 17 de Outubro e já se encontra em leituras no Efeito dos livros.

Opinião ao primeiro livro

Boas leituras

Sem comentários :