quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Comecei a ler...

Variedade na leitura :)
Depois de romance veio o erotismo e hoje chega o Navy Seal. 
Olha por mim podia vir tudo junto, nem precisavam de colocar lacinho.
Vá, agora a sério, hoje é dia de American Sniper. Comecei a leitura ontem à noite e logo vou à antestreia do filme realizado por Clint Eastwood com Bradley Cooper no papel de Chris Kyle, o autor do livro e o atirador mais letal da história. 

«Chris Kyle conta a sua história com a mesma garra e coragem que demonstrou na vida e no campo de batalha. Uma leitura empolgante.» - Clint Eastwood

Chris Kyle foi o sniper de elite mais letal de sempre. Os rebeldes iraquianos chamavam-lhe «O Demónio». Entre os seus irmãos Navy SEALs, era conhecido como «A Lenda. Em fevereiro de 2013, Chris Kyle (38 anos) foi covardemente assassinado por um antigo marine.

Nascido e criado no Texas, o Navy SEAL Chris Kyle aprendeu a atirar na infância, enquanto acompanhava o pai em caçadas. Depois do 11 de Setembro atuou nas linhas da frente da guerra contra o terrorismo, onde demonstrou as suas capacidades enquanto sniper, com registos excecionais debaixo de fogo cerrado. 

Entre 1999 e 2009 obteve o maior número de tiros bem-sucedidos da história militar norte-americana,confirmado oficialmente pelo Pentágono: 160. Chris Kyle morreu em fevereiro de 2013, em circunstâncias trágicas, assassinado por um antigo marine num campo de tiro no Texas. 

Chris Kyle descreve neste livro, com grande detalhe, a formação e treino dos SEALs, as batalhas em que esteve envolvido e as estratégias e armamento utilizados, bem como a dor provocada pela guerra. Cada capítulo é também pontuado pelos comentários da sua mulher Taya, que fala abertamente sobre as consequências da guerra no seu casamento e no relacionamento de Chris com os filhos. 

Num registo repleto de adrenalina, Sniper Americano é o relato verídico e emocionante das experiências de guerra de um herói americano dos tempos modernos. Uma extraordinária autobiografia, agora levada ao cinema por Clint Eastwood, com Bradley Cooper a interpretar o papel principal. 

Vejam o trailer

A autobiografia de Chris Kyle é uma aposta VOGAIS, agora reeditada com a capa do filme. Nós aqui temos a original, foi ao minha prenda de Natal ao Caracol :)

Boas leituras :)

1 comentário :

Joana Teixeira disse...

Hello! Foste desafiada para o Tag Liebster Award! Participa :p

Segue o link:
http://orouxinolcantava.blogspot.pt/2015/01/tag-liebster-award.html