Pesquisar neste blogue

A carregar...

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Quando os livros se tornam filmes :: "Uma Escolha por Amor"


A minha primeira leitura do ano chega esta semana aos cinema nacionais mas graças ao passatempo da Wook, aqui a metade colorida, já teve oportunidade de ver a adaptação de "Uma escolha por amor" ao grande ecrã.
Quando terminei a leitura fui rever o trailer e os pensamentos foram exactamente estes:
"O namorado dela tem o aspecto que imaginei para Travis"
"Enah tanta mudança! Namorado é médico? Ele conhece os pais dela? A mãe dela???"
"Oh até ver o filme esqueço-me do livro!!"

Questão é que...não me esqueci da história e ontem tive a oportunidade de comprovar isso mesmo.
Confesso que a ideia inicial com que entrei nesta adaptação, que o actor escolhido para o papel de Travis não era o mais indicado, caiu por terra nas cenas de "fazer chorar as pedras da calçada" e pelo charme sulista que Benjamin Walker imprimiu no personagem masculino desta história.
Já Teresa Palmer encaixa muito bem na personagem de Abby, embora ache que as alterações que fizeram do seu lado (família/namorado/valores éticos) acabaram por a tornar um pouco mais superficial do que o original.
No entanto, em suma, é um romance Nicholas Sparks que preenche os requisitos ao entrar os créditos finais com algumas pessoas da sala a fungar ou a sonhar com juras de amor à filme.
Um filme que os leitores vão conseguir aceitar deveras bem, mesmo com as alterações e que quem gosta do género e não conhece a história, vai ficar em bicos de pés até ao final.
Repleto de cenários lindos, bom humor, amor e dor, "Uma Escolha por Amor" não é um dos meus filmes preferidos da série Spark mas eu por vezes sou uma pessoa difícil de agradar quando as alterações feitas na adaptação são as coisas que eu mais gostei.


Nos infindáveis romances À LE Sparks há sempre uma coisa que ganha. Independente dos grandes amores, dos desgostos, dos choros e das mortes, o cenário é brutal. Eu nem me importo de sofrer, desde que a vista seja tão espectacular como as que têm povoado os filmes inspirados nos livros do autor.

TRAILER


E que venha o próximo. Um livro para ler e um filme para ver :)

Boas leituras e bons filmes.

Sem comentários :