quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Opinião "Rendida a Nós"

A jornada de descobertas pessoais de Sara e do mistério sobre Rebecca que encetámos em "Escondida em Ti" e continuámos em "Perdida em mim" vem agora, neste terceiro volume atar mais umas pontas soltas, especialmente no que toca a Chris e aos segredos que esconde.
Mas se pensam que isto acaba aqui, estão muito enganadas.
Vamos lá ficar "Rendida(s) a nós".


Sara teve de escolher. Paris ou uma vida sem Chris.
A decisão foi tomada e de mãos dadas rumo a Paris, Sara deixa em suspenso o trabalho na galeria e toda a sua vida para ir atrás do homem que ama e de pistas sobre o paradeiro de Ella.
Se estão a pensar "Então e a Rebecca?" eu digo...leiam o livro anterior. Eu não dou spoilers! E a revelação do mistério Rebecca merece ser conhecida....oh se merece. E parece-me que não fica por aqui!

Paris pode ser uma cidade de sonho mas é igualmente um ponto muito importante no mistério que rodeia Chris, especialmente no que toca aos seus gostos/necessidades. 
Que evento do passado de Chris o faz ter uma relação tão próxima com a dor e o castigo?
Quem é Amber e que papel teve na vida de Chris?
Poderá Sara alguma vez tê-lo por inteiro, sem barreiras ou segredos?

Este terceiro livro da série foca-se maioritariamente na relação de Chris e Sara. Marcado por um maior envolvimento e abertura emocional do casal, "Rendida a Nós" é o culminar da história de Chris e Sara, no entanto, a história não acaba aqui.
Mais que Sara, é em Rebecca e daqui em diante, em Ella, que está o verdadeiro interesse. Toda a dinâmica do casal é cativante mas acima de tudo queremos respostas que nos assombram a mente desde o primeiro livro. 
O que se passou com elas?
Como é que chegámos até aqui?
E o que mais vamos descobrir daqui para a frente?

Parece que a próxima viagem é para Itália.
Venha ela. Nunca recuso uma ida a um sítio onde já fui feliz.

"Rendida a Nós" é o terceiro livro da série de Lisa Renee Jones, uma aposta

Sem comentários :