Pesquisar neste blogue

A carregar...

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

MEDO, Jeff Abbott



Não sei se o MEDO, será o caminho para o PÂNICO, ou sequer que passarei a CONFIAR EM MIM, só sei que estou em rota de COLISÃO ... era uma frase digna de um passatempo, é também um resumo, uma única frase, que para alguns poderá não fazer sentido, mas para quem lê Jeff Abbott fará de todo, sentido!

A sua escrita é simples, mas a trama complicada, as personagens são fáceis de entender, mas têm dramas muito confusos, vêm coisas que mais ninguém vê, sentem medos que os afastam, mas que os tornam iguais...
Um drama psicológico, sem carga emocional, mas carregado de histórias que apelam ao sentimento - é esta a forma como vejo o primeiro livro que li de Jeff Abbott - Medo.

Medo, revela-nos a história de Miles, Celeste, Nathan, Allison, a visão de Andy...e Groote, bem como de algumas outras personagens, todas elas lutando pelas suas próprias necessidades, que apesar de os tornar diferentes, torna-os perseguidores do mesmo mal, uma cura, um medicamento, ou quem sabe apenas de ser descobrirem e saberem quem são. Neste jogo psicológico e arriscado, as interpretações podem ser diversas.