sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Diário de um skin, António Salas


Este foi um livro que devorei!!!
Excelente tema...e uma excelente forma de o expor.
Salas infiltrou-se no movimento Nazi espanhol...
e acompanhou os seus movimentos...
tanto na net como pessoalmente durante um ano...
Resultado do seu trabalho:
A detenção de alguns skins...
Este livro que devorei
E um filme que ainda estou para ver, mas não perde pela demora

O trabalho de infiltrado de Salas valeu um mega processo em Espanha...
Ficando-se a conhecer os meandros da vida destes indivíduos...
Salas leva-nos aos bastidores do futebol...
onde as claques são financiadas pelos clubes...
onde alguns elementos vendem bilhetes para financiar o movimento...
vendem armas...vendem drogas...incentivam a violência... e claro, o racismo!

O saírem muitas vezes impunes garante-lhe um estilo de vida sem medos!

é impressionante como em certas partes do livro...
parece-nos que o autor se identifica com os cabeças rapadas...
a irmandade, a união, a força, a impunidade que estes tem...
parece hipnotizar o escritor...
apesar deste sempre referir que é contra qualquer tipo de violência ou descriminação...

é um livro que nos mostra como e fácil odiar... como é fácil cair num grupo destes...seja com tendências mais à direita ou à esquerda, sejam elas políticas ou de outra temática. A noção de grupo traz-nos identidade.
O autor também manteve contacto com a extrema esquerda e afirma que ambos são idênticos...
No entanto, a leitura atenta às obras de Salas deixa-nos sempre na dúvida se em alguma parte das suas vivências como infiltrado se ele mesmo não defenderá os ideias que espia!?!?!

Fica a questão pois quem lê tem sempre opiniões diversas.
Na minha opinião, este é um livro quase que obrigatório para se perceber o que passa na cabeça de muita gente...Compreender por vezes ideias mais negras ou partes nefastas da sociedade é por si só um caminho para compreender o que se passa à nossa volta e a verdadeira sociedade onde estamos inseridos.

Para quem gostar e apreciar filmes com cunho de documentário aqui fica o link para o filme pela TV5
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=CC4CPzGtFm0

 Bom cinema e boas leituras,

Um livro Leya - Edições Livro d' Hoje

3 comentários :

Arca Trapos disse...

Acho que ia ficar muito revoltada em ler o livro.

Há certas coisas que mexem demasiado comigo. Mas fiquei interessada... Será o livro já a conquistar-me? eheh

EfeitoCris disse...

Olá

Penso que todos os livros do Salas estão escritos para "mexerem" contigo, quando o Caracol Literário os lês, temos largas "discussões" essencialmente sobre o que é correcto ou não?

Um livro despertar-nos sentimentos e sensações, nem que seja de repulsa, é bom, quer dizer que o autor fez bem o seu trabalho se é que a ideia dele era atacar uma ideia, teoria ou crença, quem sabe e fazer o leitor atacá-la também.

...
se leres depois partilha a tua opinião por aqui ou pela nossa página

www.facebook.com/efeitodoslivros

Obrigada e boas leituras

Anónimo disse...

e o vídeo!?