Pesquisar neste blogue

A carregar...

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Opinião "De Joelhos"

De Joelhos e olhos bem arregalados, foi como fiquei com a leitura do livro de estreia em Portugal de Malenka Ramos.
Uma história com uma premissa brutal, a da vingança por sofrimento amoroso, tornou-se num desafio de leitura ao entrar neste primeiro capítulo da trilogia que tanto zum-zum tem criado no país vizinho. O que anda na cabeça de nuestras hermanas para lerem e adorarem a história de Dominic e Samara sem questionarem a limite que separa o erotismo da violência?


Para mim essa linha é transposta logo de início e demasiadas vezes ao longo do livro. “De Joelhos” é uma história que não se deve encarar de animo leve e se têm um estômago fraco, talvez esta não seja posição para vocês. Digo…”De Joelhos”.
Mas alto e para o baile...mesmo depois de torcer o nariz, abanar a cabeça, desejar bater nas personagens (e perpetuar o ambiente violento), dei por mim a não conseguir parar, tipo “sei que isto é errado mas continuo” porque queria saber o fim, queria saber como acabava, queria saber até onde a autora estava disposta a levar a loucura que é a vida de Dominic, Samara, Luis e os outros que fazem da Quimera a sua casa longe de casa.

Conhecemos Dominic e Sarama, 15 anos volvidos desde a altura em que ela, popular e altiva o ignorava, quando ainda eram miúdos na escola. Essa dor e humilhação foram impulsionadores para na maioridade Dominic se tornar um homem de sucesso, atraente e a que consegue tudo o que quer, especialmente a mulher de que sempre sempre gostei e que odeia com todas as forças do seu ser. Até aí….íamos bem se não fosse o como se reencontraram e aproximaram.

Esta história dividiu a minha opinião, tão rápido queria lançar o livro janela fora como me controlava para não pegar no livro a meio do dia de trabalho para saber que cena se seguia.
Não consigo decidir se gostei ou não gostei. Tanto que tive de ir falar com outras leitoras que me disseram que adoraram. MAS, e quando há um mas, é sempre complicado, eu não consegui achar sexy, sensual, excitante, etc as cenas entre Samara e Dominic. Salvo sim, alguns momentos, curiosamente das personagens secundárias à história do casal. A base da história, a vingança de alguém que nos marcou e cuja dor causada acabou por nos moldar, é espectacular mas acho que o rumo que a autora tomou, além de violento e pouco digno, ficou muito aquém do que eu esperava encontrar no desenrolar desta história.


Falem comigo! Digam-me, o que acharam da história? Estaria eu extremamente feminista ou por outro lado sensível para achar que a relação perpetuada entre Dominic e Sarama roça mais a violência do que a sensualidade?
Livro em que não dobro cantos….hmmmmm é para estranhar. “De Joelhos” não tem nem uma marca. 

E o vosso exemplar, o que vos disse?
Falem comigo!!
Isto porque há uma parte de mim que quer ler o segundo, rapidamente!!

E até lá fiquem com a música que ouvi na rádio enquanto andava a ler o livro e achei que se encaixava na perfeição :)

Malenka Ramos é uma aposta

Sem comentários :