segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Opinião "After" de Anna Todd

Oh raios! Como é que é possível passar um livro todo a abanar a cabeça, a repreender personagens, a pensar no motivo do sucesso deste livro para depois acabar completamente chocada, presa e rendida ao fim e à sua continuação?


"After" de Anna Todd tem sido um estrondoso sucesso mas eu honestamente sinto que cheguei 10 anos e uns 10 livros mais tarde. Eu ja vivi, já li e já aconselhei/ouvi amigos em relações deste género, as de amor e ódio, aquelas que vão do riso aos gritos em segundos. Ler "After" não teve em mim o impacto que achei que iria ter mas fui obrigada a mudar de opinião quando cheguei ao fim. Sinto-me dividida e detesto quando isto acontece. Como é possível gostar e não gostar de uma coisa?

Ora acompanhem la o meu raciocínio. 
Por mais aventura e emoção que a entrada de um autêntico bad boy tem na vida de qualquer miúda dita normal, a dor que fica no final por vezes supera em larga escala os momentos bons, divertidos e ousados que proporcionou.
Quando conhecemos Tessa sabemos que aquela atitude controlada e rígida vai cair por terra no momento em que, fazendo jus ao "quanto mais me bates mais eu gosto de ti", Hardin a levar à loucura, acabando assim por a levar também na certa.
Filha de uma mãe que fez tudo para a trazer até à faculdade, incluindo gerir todos os aspectos da vida de Tessa ao ponto desta apenas se sentir livre pela primeira ao chegar à faculdade. E como todos os primeiros voos dos passarinhos, também o de Tessa foi desajeitado e desastroso.
A existência de Hardin nas imediações deixa-a a viver em campo minado. Bad boy da atitude arrogante até ao look e mulherengo até à raiz dos cabelos, Hardin desdenha de Tessa desde o primeiro momento em que lhe coloca os olhos em cima. Mas quem desdenha quer comprar e desde esse instante inicia-se um caminho acidentado, de altos e baixos, de gritos e discussões, de novas sensações e descobertas, de rebeldia, de liberdade, de dor...é, especialmente de dor e até ao final.

Eu gostei de ser surpreendida no final e de ficar presa no enredo e na continuação por esse motivo mas posso afirmar que a minha maneira de ser não consegue compreender a flexibilidade e aceitação de Tessa perante o descontrolo, as alterações de humor, a falta de comunicação e as mentiras de Hardin.  Deixem-me revoltar com isto, nenhuma miúda ou mulher se devia sujeitar a ser escondida, a ser um dirty little secret e acima de tudo, nenhuma mulher devia ser controlada como se não tivesse cérebro para pensar e tomar decisões. Mais importante ainda, nenhuma mulher deveria tolerar violência, física ou psicológica, muitos menos desculpar os maus comportamentos de um namorado ou marido "porque ele é assim", "ele faz estas coisas mas ele ama-me", "isto acontece porque ele anda stressado" ou a pior de todas "desculpa, a culpa é minha".

Talvez eu esteja a ver coisas onde elas não existem mas penso que com o final, muitas coisas ficam explicadas. Mas na minha opinião nada explica a atitude de Tessa. 
E pensar que demorei a entrar nas primeiras páginas porque a minha mente recorria à imagem do moço dos One Direcion (em que o Hardin foi inspirado) e eu não lhe acho graça nenhuma.
Novamente, 10 anos e 10 livros tarde de mais. Hardin...u got nothing on Travis Maddox!!!
Se fosses meu amigo levavas na tromba, forte e feio.

Mas agora tenho de ir ler o segundo, preciso de saber a verdade. PRECISOOOOO SABER A VERDADE!!!

Há livros que nos levam a loucura, aos vários tipos que há e no final, mesmo revoltadas pela loucura induzida, ficamos mortinhas por ler a continuação. 
After é tipo Mcdonalds, vamos lá, pedimos aquele hambúrguer gostoso, a cola e as batatas, comemos tudo numa revolta por sermos fracas mas completamente rendidas ao sabor, que é tipo droga para o nossos sistema. Pior, o segundo já tá aí e eu vou ter de pedir o sundae de chocolate e lambuzar-me mais um pouco. Raios!! Quando é que começo a ler livros sérios? :P

Tentei criar uma playlist mas não encontrei músicas que fossem perfeitas para a história mas mesmo assim deixo umas quantas avulso :P

Agora aguardo a vossa opinião. Please falem comigo! !!

A série After é uma aposta

Para mais informações consulte o site da Editorial Presença aqui.

O segundo livro já se encontra disponível aqui.

1 comentário :

Unknown disse...

queria dizer que esse é o melhor livro que eu li em toda minha adolescência, e que Hardin e Tessa vão te deixar louco. E eu te prometo (pra você que vai ler), que se realmente ama romances After vai te fazer passar madrugadas acordadas ouvindo uma história de um garoto bad boy com uma garota defirente de seu mundo mas simplesmente apaixonados um pelo outro.