domingo, 25 de julho de 2010

"Antes de nos encontrarmos" de Maggie O'Farrell


Sinopse
Numa fria tarde de Fevereiro, Stella vê um homem dirigir-se a ela em Londres. Há muitos anos que não via a cara dele, mas reconhece-o instantaneamente. Ou pensa que o reconhece. Nesse preciso momento, no outro lado do mundo, Jake apercebe-se de que a multidão que o rodeia, enquanto celebra o ano novo chinês, está a tornar-se perigosa. Não sabem nada um acerca do outro, mas quer Stella, quer Jake fogem das suas vidas: Jake em busca de um sítio que não exista em nenhum mapa, e Stella em busca de um destino na Escócia, cujo significado apenas a sua irmã será capaz de compreender. Este é um romance sobre vidas paralelas, identidades deslocadas, laços entre irmãs e a força do passado. Acima de tudo é uma história de amor sobre duas pessoas que nunca se conheceram. Considerado o melhor trabalho da autora até ao momento, a crítica encontra muitas semelhanças com uma escrita para cinema, com avanços e recuos, cenas cortadas ao estilo de realizadores, que no fim formam um todo harmonioso e impossível de esquecer.

A minha opinião:
Quem nunca pensou em fugir e deixar tudo para trás?
Quem nunca lhe apeteceu fugir para um local onde nem sequer saibam o nosso nome?
Esconder-se dos problemas, das pessoas que sabem tudo e por vezes não sabem de nada.
Este livro fala-nos disso mesmo. Infelizmente, quando fugimos de uma coisa acabamos sempre por encontrar uma nova.
Cada personagem atormetada à sua maneira, uma pelo passado que não a deixa seguir em frente e outra pelo presente indeciso, resultado de decisões em modo pánico.
 
Tem uma cena de cortar a respiração e em que temos vontade de mergulhar no livro e abraçar a personagem.
 
Um romance bom de se ler. Eu aconselho :)
 
Um romance interessante, que nos coloca a imaginar a história a decorrer num filme.

1 comentário :

Cris Rodrigues disse...

Quem nunca pensou em fugir e deixar tudo para trás?

gosto da ideia!