quarta-feira, 15 de maio de 2013

Novidades Editoriais - Divulgação - «Viver na noite» de Dennis Lehane

Anunciado juntamente com a notícia de ser adaptado para o cinema, a Sextante Editora aposta em Dennis Lehane, com «Viver na Noite». Autor e obra bastante aclamado e claro a adaptação cinematográfica com filmes com "Shutter Island" ou "Mistic River".


Dennis Lehane nasceu e cresceu em Dorchester, perto de Boston. Escreveu vários romances, dos quais a Gótica publicou Um Copo Antes da Guerra, A Caminho das Trevas, Shutter Island, Gone, Baby, Gone, Mystic River, Prenúncio de Chuva e Terra dos Sonhos. Mystic River foi finalista do prémio PEN/Winship e ganhou o Anthony Award e o Barry Award para o melhor romance policial, assim como o Massachusetts Book Award. Foi adaptado ao cinema por Clint Eastwood com um enorme sucesso. Também Gone, Baby, Gone foi adaptado ao cinema pela mão do actor norte-americano, e vencedor de um Óscar da Academia, Ben Affleck, enquanto Shutter Island chegou ao grande ecrã por Martin Scorcese, sendo protagonizado por Leonardo DiCaprio, Mark Ruffalo, Ben Kingsley e Max Von Sydow. Antes de se tornar escritor a tempo inteiro, Dennis Lehane trabalhou com crianças mentalmente afectadas e abusadas, foi empregado de mesa e arrumador de automóveis, guiou limusinas, trabalhou em livrarias e carregou camiões.



Um prazer renovado frase após frase. Estamos nas mãos de um mestre. E sabemo-lo.
Janet Maslin, The New York Times





Sinopse
Boston, 1926. A bebida abunda, em cada esquina há troca de tiros, e um homem decide deixar a sua marca no mundo. A Lei Seca levou à criação de uma complexa rede de destilarias e bares clandestinos, gangsters e polícias corruptos. Joe Coughlin, o filho mais novo de um respeitável capitão da Polícia de Boston, há muito que voltou costas à sua educação severa e se rendeu ao lucro, à adrenalina e à notoriedade de ser um fora da lei. Mas uma vida de crime cobra um alto preço. Numa época em que homens implacáveis e ambiciosos se digladiam pelo poder, dispondo de armas, bebidas ilegais e muito dinheiro, o mote é: nunca confiar em ninguém - nem na família nem nos amigos, nem nas amantes nem nos inimigos.
Uma história de amor arrebatadora e uma saga épica de vingança, Viver na noite cruza traição e redenção, música e morte, e traz de novo à vida uma era passada em que o pecado era motivo de celebração e o vício uma virtude nacional.


Com o seu estilo fresco e preciso e uma simpatia intensa pelas paixões que movem as personagens, Viver na noite atinge uma realidade intocável e única.
Bill Sheehan, The Washington Post


O estilo de Lehane combina descrições detalhadas, quase poéticas, ação vigorosa e diálogos matizados. E oferece todas as paixões, surpresas, violências, traições e peripécias que levam o leitor a virar as páginas sem parar.
Dick Lochte, Los Angeles Times

Com a pesquisa sobre o autor, apercebi-me deste filme, com o qual fiquei bastante curiosa «Gone baby Gone»




Mais informações:

site da Sextante Editora: http://www.sextanteeditora.pt/

site do autor: www.dennislehane.com

facebook do autor: www.facebook.com/Dennis.Lehane


Sem comentários :