terça-feira, 7 de abril de 2015

Opinião "Segredos de uma Condessa Respeitável"

Elsa, ainda consegues encontrar algo de novo num romance histórico sensual?
Sim, consigo, cada história é uma história e esta arrebatou-me por completo.


Que surpresa foi encontrar em “Segredos de uma condessa respeitável” todos os elementos que fazem de um romance histórico e sensual uma narrativa de qualidade que nos prende e nos delicia com amor, detalhes históricos, diálogos interessantes, sensualidade qb, intriga, espionagem e justiça. Seja dita a verdade, eu adorei ler o romance de estreia de Lecia Cornwall em Portugal (sim, já andei a pesquisar e ela tem uns quantos livros, assim me diz o amigo goodreads). 

Será que esperava mais um romance sensual em que lord X, um libertino sem emenda, se enamora pela inocente mas secretamente devassa lady Y? Sim esperava, mas o que recebi foi muito mais do que a minha expectativa tinha estabelecido. Já li muitos livros deste género mas de certo irei recordar Isobel, a prisão da sua casa de viúva, a roupa intima sensual debaixo do luto, o momento em que sucumbiu ao desejo mas acima de tudo, irei recordar o facto de talvez ser a primeira personagem que li que tem um filho! 
É engraçado que em dezenas de livros que li nunca ninguém teve de pesar os seus desejos e as escolhas que fez para a sua vida mediante a existência de alguém que lhe é dependente, que sofre as consequências dos seus impulsos.
Obrigada Lecia por retratar quem tem de alinhar o desejo e o dever de forma tão maravilhosa!

Este “Segredos de uma condessa respeitável” conta-nos a história de Lady Isobel Maitland, Condessa de Ashdown, a viúva agrilhoada à família do marido, que lhe controla a herança e a educação do filho. O seu segredo vive coberto de um luto imposto onde o decoro é uma das muitas obrigações que lhe são exigidas, assim como a submissão à vontade da sogra e do cunhado, como foi decretado no testamento do marido.
Impossibilitada de seguir com a sua vida, Isobel foge aos limites da sua vida dando largas à imaginação, já que perante a sociedade ela ainda chora o marido, de quem não gostava particularmente.
Mas não é só Lady Isobel que mantém segredos sobre a sua vida privada, do lado oposto do salão de baile o seu olhar cruza-se logo na primeira cena com um dos homens mais boémios da sociedade, o Marquês de Blackwood, um nome que se vai repetir muitas vezes nos pensamentos e nos lábios de Isobel e que esconde um rol de segredos muito elaborados sob a capa de hedonismo e sedução que o acompanha.
Desde o primeiro encontro, em que as suas identidades permanecem desconhecidas e se permitem dar largas aos desejos mais intímos, Isobel e Phineas criam uma ligação inegável mas que à luz do dia, perante os olhos da sociedade e até dos próprios é impensável.
O que poderá ter de interessante a insípida viúva Isobel Maitland? 
Como poderá um homem vibrante como Blackwood alguma vez assentar? Será o deboche a sua forma de vida ou apenas uma fachada para algo mais?
Será que estão dispostos a abrir mão do que têm para finalmente terem a vida que merecem? 

Adorei os encontros de Blackwell com a sua dama misteriosa e o quanto esta o desalinhou, ao ponto de o tornar quase inapto para o desempenho das suas funções. Acima de tudo, gostei do enquandramento da história de Isobel e Phineas em algo maior. Sim, porque este livro não fica pelo romance que nasce entre estes dois a cada novo encontro clandestino e anónimo, na realidad,e a relação de ambos é a cereja no topo do bolo que são as camadas de história, intriga e espionagem que cercam estes personagens e a história de “Segredos de uma condessa respeitável”.
Desde histórias de contrabando a traição, este romance tem todos aqueles momentos que nos prendem e nos fazem torcer pelos bons, por aqueles que merecem ser felizes e acima de tudo, ainda nos faz sorrir quando a justiça é servida aos que merecem e da maneira mais irónica.

Se outros títulos de Lecia Cornwall chegarem a Portugal garantidamente vão figurar na minha wishlist. Especialmente se fizerem parte da série Secrets do qual este é o primeiro volume.
Até lá, que venha o próximo Lord desbocado e a Lady femme fatale secreta. 

Lecia Cornwall é uma aposta 

1 comentário :

Lanna Wellem disse...

boa tarde, você conhece um site em que posso baixar esse livro completo em português (brasileiro)?